A navalha está “comendo” solta

navalhaA “navalhada” já está pegando prá valer, prá cima dos contratados do município.
O blog teve a informação que esta semana, cerca de 300 servidores que estavam nesta condição, já receberam o “bilhete azul”.
Tachados de “carniças do Zé do Pátio”, porque não teriam votado no Barba, a maioria dos dispensados estavam em cargos ligados à Saúde, principalmente de apoio aos PSFs, numa faixa salarial baixa.
Os “filés do holerite”, entretanto, continuam firmes e garantidos a receber seus bons salários até dezembro, quando Percival Santos Muniz deixará o cargo.
A “caça às bruxas”, prática comum dos vingativos, me fez lembrar de um episódio, anos atrás, que por dispensa de apadrinhados, à época, do atual Prefeito de Rondonópolis, culminou em dentes quebrados de seu sucessor por ele ter promovido demissões necessárias para desinchar o quadro de servidores públicos municipais, o qual precisou passar por cirurgia bucal corretiva.
Por outro lado, o blog está de posse de vários áudios – que estão sendo analisados, para posterior postagem – nos quais uma gerente de um setor importante da Saúde, julgando-se ainda a “rainha da cocada preta”, esbraveja e dirige às agentes comunitárias de Saúde, palavras ofensivas  e de baixo calão, apesar de andar sempre “no salto”.
Essa figurinha, alegando trairagem das agentes comunitárias, se esqueceu que foi a avalista da traíra do PPS, Marildes Ferreira do Rêgo, que foi indicada por ela para assumir o cargo de Secretária de Saúde.
Como se vê, “no” dos outros pode!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *