Arapongagem: primo do governador é preso em MT – Estela Boranga Comenta…

Arapongagem: primo do governador é preso em MT

Paulo, é primo do governador Pedro Taques
(Brasil 247)

Através de despacho na manhã de hoje, do desembargador Orlando Perri, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), foi decretada a prisão preventiva do ex-secretário chefe da Casa Civil do Governo de Mato Grosso, Paulo Cesar Zamar Taques, que é primo do governador Pedro Taques (PSDB).
Imediatamente ao despacho, o mandado de prisão foi cumprido no condomínio Florais Cuiabá, onde Paulo Taques reside.
O primo do governador é apontado como um dos participantes do esquema de grampos ilegais em Mato Grosso, levado a efeito pela cúpula da Polícia Militar (PM) e que teria objetivos políticos. As gravações envolveram advogados, políticos e jornalistas.
O esquema foi denunciado pelo promotor Mauro Zaque, ex-secretário de Segurança Pública de Mato Grosso, à Procuradoria Geral da República (PGR), o qual revelou que um grupo de policiais, que realizava investigações de crimes no Estado, inseria números alheios as investigações para serem grampeados.
Preventiva mantida
Após a prisão, Paulo Taques foi levado à 11ª Vara Criminal de Cuiabá, onde participou de audiência de custódia, tendo a prisão preventiva mantida pelo juiz Bruno D’Oliveira Marques, da 10ª Vara Criminal de Cuiabá.
Pela decisão do desembargador Orlando Perri, Paulo Taques seria encaminhado ao Centro de Custódia de Cuiabá (CCC). Já sua defesa e a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) reivindicam que a prisão seja cumprida numa cela de “Estado Maior”, como a Polinter, uma vez que o ex-secretário é bacharel em Direito.
Da Redação com MidiaNews/Folhamax

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *