Contratação temporária de professores 

Escrito por:
Vereadores vão alterar a Lei Orgânica  

Aproveitando a primeira sessão do Poder Legislativo de Rondonópolis deste ano – realizada excepcionalmente ontem -, um grupo de professores municipais se reuniu com os vereadores e com a secretária Municipal de Educação, Carmem Garcia Monteiro, solicitando a reformulação da Lei Orgânica do Município, quanto à contratação temporária, via processo seletivo.
O grupo citou que na normativa do processo seletivo deste ano, consta a cláusula de contratação de seis meses apenas, podendo ser prorrogado por mais seis meses. “Isso mexeu muito com a gente, porque se com um ano não conseguimos comprar nada, financiar nada, loja nenhuma quer vender para os contratados, temporariamente. Imagina com um contrato de seis meses”, ressaltou a professora Geralda Ferreira da Silva.
Após ouvir as reivindicações, os vereadores decidiram alterar a Lei Orgânica para que a contratação dos professores substitutos passe para doze meses e não mais por seis meses, como acontece atualmente.
“Mudando a Lei Orgânica, nós vamos ter que rever todo o processo e fazer as adequações necessárias, conforme passar a ser exigido”, garantiu a secretária Carmem Garcia Monteiro.


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *