Em punição branda, STF determina afastamento de Aécio do Senado

Escrito por:
Continua livre 
(Pinterest)

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou no início da noite de hoje, por 3 votos a 2, o afastamento de Aécio Neves do mandato de Senador e determinou que ele tenha que se recolher para a sua casa à noite, a partir de agora.
Votaram a favor de Aécio, os ministros Marco Aurélio e Alexandre Moraes. E Luiz Fux, Rosa Weber e Luis Roberto Barroso, pela punição.
Esse resultado não atende a medida cautelar pedida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) no inquérito em que Aécio foi denunciado por corrupção passiva e obstrução de Justiça, com base nas delações premiadas da empresa J&F, que queria sua prisão preventiva.
Punição considerada branda para o mentor do golpe que derrubou Dilma Roussef e jogou o País nessa bagunça toda.
Por unanimidade, os ministros negaram também na sessão de hoje, o terceiro pedido de prisão preventiva de Aécio feito pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, embora o tucano tenha sido flagrado nos grampos da JBS, negociando propinas de R$ 2 milhões.
Decepcionante, pelo agravante!
Da Redação com Blog do Rovai e Brasil 247

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *