Energia passa para bandeira máxima, em junho

Escrito por:
Em junho, tem bandeira vermelha no máximo(Ilustrativa)

Em mais uma medida para penalizar o consumidor brasileiro, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) determinou que no mês que vem, vigore a bandeira no segundo patamar da cor vermelha – o mais alto. Com isso, a cobrança extra será de R$ 5,00 a cada 100 kWh consumidos.
Neste mês de maio a bandeira em vigor é a amarela, com cobrança de R$ 1 a cada 100 kWh.
A justificativa da Aneel, é a de que com o fim do período de chuvas, os reservatórios do Sul apresentaram redução no volume, o que impacta no custo de geração de energia; que com menos água nos reservatórios, aumenta o uso de usinas termelétricas, que geram energia a um custo maior; e que a previsão de chuvas é baixa quando comparada à média histórica.
Não devemos mais nos surpreender com esse governo golpista.
Tudo está sendo possível, para “ralar” o povo!

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *