Frente Evangélica se levanta contra Bolsonaro

Escrito por:
Nem todos estão contaminados pelo fascismo

Em comunicado divulgado esta semana, a Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito – contrária às bancadas evangélicas no Senado e na Câmara dos Deputados, reafirma sua posição contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) a Presidente do Brasil, reconhecendo que suas propostas e falas são incoerentes com a mensagem de Jesus Cristo e com a construção de uma democracia participativa, com garantias de direitos e promoção da Justiça, rechaçando o discurso de ódio do candidato de extrema-direita.
Leia a íntegra da nota:
“A Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito reafirma sua posição contra a candidatura de Bolsonaro, reconhecendo suas propostas e falas incoerentes com a mensagem de Jesus Cristo, e incoerentes com a construção de uma democracia participativa, com garantias de direitos e promoção da justiça.
As propostas de Bolsonaro representam a barbárie, onde a violência será estabelecida como ferramenta de controle. Nós, os crentes que compomos a Frente de Evangélicos, não reconhecemos nossa fé nessas bases. A nossa fé nos faz crer no amor e na transformação.”
O pastor Fábio Bezerril Cardoso, um dos membros da entidade, desconstrói Bolsonaro e afirma que o voto no candidato da extrema direita, “não é um voto cristão”.
Fábio Bezerril Cardoso, além de pastor evangélico é professor de Sociologia da Religião no Instituto Bíblico do Brasil, Licenciatura em Teologia pelo IBB – Instituto Bíblico do Brasil (2005), Licenciatura em Ciências Sociais pela UMESP – Universidade Metodista de São Paulo (2015); Pós Graduando em Ciências Políticas pela FESPSP – Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (2016) e pesquisador na área da etnografia política e social do Brasil.

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *