Fugindo da raia

Escrito por:
“Mais liso, do que quiabo”
(Notícias/UOL)

Apesar de 67% dos eleitores brasileiros considerarem importante o debate entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) – segundo pesquisa do Instituto Datafolha -, o capitão da reserva do Exército parece continuar a fugir da raia.
Hoje, ele afirmou – durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais (live) – que teme por sua segurança, daí a decisão de não participar de debates e evitar aglomerações. Ele se comparou com o juiz Sergio Moro porque ambos não têm liberdade para sair às ruas.
Para 73% dos entrevistados, Bolsonaro deveria comparecer aos debates. Dos 9.137 eleitores ouvidos em 341 cidades, 23% disseram que o capitão reformado não deve participar de debates e 4% não souberam responder à pergunta.
Enquanto sete em cada dez entrevistados consideram o confronto de ideias e propostas frente a frente muito importante, 19% dizem que o debate com os dois candidatos não é nada importante. Além disso, 13% disseram que o encontro seria pouco importante e 2% não souberam responder.
Da Redação com Agência Brasil

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *