Fux vai substituir Gilmar Mendes na presidência do TSE

Escrito por:
Luiz Fux será o novo presidente do TSE

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi eleito hoje, por 6 votos a 1, para presidir o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em substituição a Gilmar Mendes, que deixará o cargo no dia 14 de fevereiro do próximo ano.
Fux não estará mais no cargo durante a eleição presidencial do ano que vem, pois seu mandato no TSE se encerra em agosto, portanto antes do pleito. A ministra Rosa Weber é a próxima na fila, para assumir a presidência da Corte Eleitoral.
Composição
De acordo com o Artigo 119 da Constituição Federal, o TSE é composto por três ministros indicados pelo STF, dois ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e dois juristas de notório saber indicados pelo presidente da República. Os mandatos são de dois anos, renováveis.
Ao deixar o TSE em fevereiro, a vaga de Gilmar Mendes será assumida por Luis Roberto Barroso.
Em agosto, Fux será substituído por Edson Fachin.
Dentre a enxurrada de fatos desagradáveis que nos últimos dois anos têm acontecido neste país, pelo menos um bom acontece para amenizar a tristeza e a decepção, que se abate sobre o povo brasileiro!
Da Redação com Agência Brasil

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *