Imprensa de Rondonópolis e de MT perde Noel Paulino

Escrito por:
Noel Paulino de Almeida
(Foto: Arquivo da família)

O radialista Noel Paulino de Almeida – um dos grandes valores da comunicação de Rondonópolis e também do Estado de Mato Grosso-, faleceu às 15h30 da tarde de hoje, na Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis, em decorrência de uma trombose intestinal – quando um coágulo sanguíneo bloqueia a irrigação de parte dum dos intestinos, dando início à necrose no local.
Noel Paulino estava internado desde a quarta-feira desta semana, tendo se submetido a uma cirurgia – após a suspeita de uma obstrução intestinal – à qual não resistiu, vindo a óbito.
Atividades
Noel Paulino – como era conhecido artisticamente – era natural de Carlópolis (PR) e estava com 80 anos. Chegou em Rondonópolis em 1976,  vindo do Rio de Janeiro, onde iniciou sua trajetória no rádio, começando a trabalhar na extinta Rádio Braniff (hoje Amorim Juventude AM) e três anos depois, em 1979, formou a primeira equipe de radialistas da Rádio Clube de Rondonópolis, junto a outros nomes que já nos deixaram, sendo o primeiro a falar pelos microfones da emissora, no dia 17 de abril daquele ano,  no início das atividades, em caráter experimental.
Apresentou na emissora os programas “Alegria no Sertão”, “Recadão da Clube” e estava apresentando, há quatro anos, o programa “Rancho Alegre”, das 15 às 17 horas. O comunicador teve passagens também pela TV Centro América, em Cuiabá, na década de 80, onde apresentava o programa homônimo “Alegria no Sertão” e na extinta TV Rondon, em Rondonópolis, na década de 90.
Versátil, Noel Paulino foi secretário de Imprensa da Câmara Municipal em 1992;  apresentador oficial da mostra agropecuária anual Exposul de nossa cidade, por mais de 10 anos seguidos;  gerente de Educação no Trânsito, no Detran de Mato Grosso, por 14 anos; além de ter prestado serviços à empresa  Slaviero – revendedora Ford na cidade.
O velório será a partir da 20 horas no Rotary Clube Rondonópolis, em frente à praça da Santa Casa, na Vila Birigui e o sepultamento amanhã, às 15 horas, no Cemitério Municipal de Vila Aurora.
Noel Paulino de Almeida deixa a esposa Maria de Lurdes e os filhos Kelly Cristine de Almeida Borba, Kleber Paulino e Ricardo Leon.

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *