Medeiros usa tribuna do Senado para descartar dobradinha (vídeo)

Escrito por:
(UOL)

Na tarde de ontem, o senador José Antonio Medeiros (Pode-MT), usando da tribuna do Senado, conforme o vídeo abaixo, descartou que haja acerto para que dispute as eleições deste ano em dobradinha com outro político, numa clara referência à matéria que está postada – com exclusividade – desde ontem no Blog Estela Boranga comenta.
Referindo-se a uma dobradinha em sua fala, mas omitindo maiores informações, Medeiros disse que tal informação era “conversa fiada” e “especulação” e que contou com recursos de poderio econômico.
O blog reitera a veracidade da informação, que foi repassada no final da tarde de quarta-feira (28) e veiculada matéria na edição de ontem, a respeito.
Reforça também que na manhã de ontem, por volta das 11 horas, houve uma ligação telefônica para o blog, em que o interlocutor afirmava que as conversações para a composição da dobradinha haviam sido encerradas na noite da quarta-feira, com Medeiros saindo fora do acerto. Portanto, mesmo que em parte, a informação da dobradinha procede.
Como a matéria foi postada por volta das 08 horas da manhã de ontem, não havia como colocar uma atualização, inclusive porque não era oficial.
Também neste meio-tempo, a assessoria de Comunicação do senador manteve contato, via WhatsApp, informando que sua intenção é a de sair à reeleição.
Foi sugerido à assessoria, que mandasse uma nota do senador ao blog, para que o assunto pudesse ser melhor esclarecido. O que não foi feito até agora, talvez pelo senador achar que o Blog Estela Boranga comenta seja irrelevante na mídia local e estadual e que não tenha um banco de informações procedentes e fidedignas.
Para concluir, quero deixar claro ao senador, que não posto matérias “pagas” que venham a prejudicar terceiros. Até porque, como profissional de Comunicação, sei perfeitamente quanto às penalidades que posso estar sujeita, caso assim proceda.
Em resposta ao senador, cito um ditado popular espanhol, que diz: “Yo no creo en brujas. Pero que las hay, las hay”. (Eu não creio em bruxas. Mas, que elas existem, existem)
Se ele entender, muito que bem.
Senão, fica por isso mesmo!
Assista ao vídeo, do breve “pronunciamento”:

Continue Lendo


um comentário

  1. Não tenho “bola de cristal”, não sou discípulo de mãe Diná, muito menos apregoador de desgraças. Mas, algo me diz que, o senador a partir de janeiro voltará às fileiras da PRF.

Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *