Ministro Marco Aurélio diz que Moro agiu como militante partidário

Escrito por:
Uma imagem vale por mil palavras
(Jornal O Globo)

Diante dos acontecimentos de ontem, quando o desembargador de plantão do TRF-4 Rogério Favreto emitiu ordem de soltura de Lula, que não foi cumprida, o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), considerou que o juiz de primeira instância Sérgio Moro agiu como militante partidário ao negar-se a cumprir a ordem. “O TRF é o revisor dos pronunciamentos da primeira instância. O titular da décima-terceira vara nada tem a fazer”, disse o magistrado à jornalista Christina Lemos, do R7.
“A parte que pode insurgir-se, no caso, é o Ministério Público. Decisão judicial, cumpra-se!”, complementou o ministro.
Em várias ocasiões, Sergio Moro foi fotografado ao lado de políticos tucanos, bem como não trata os processos contra alguns deles, como por exemplo Aécio Neves e Beto Richa, da mesma forma que trata os dos petistas.
No mínimo, aí tem!

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *