Nova eleição da Mesa Diretora da ALMT

Nova eleição será hoje à noite
Nova eleição será hoje à noite

Por decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), ontem (22), atendendo a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade protocolada pelo partido Rede Sustentabilidade, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) deverá promover nova eleição para a Mesa Diretora, sendo vedada a participação, nos mesmos cargos, de parlamentares que compuseram a Mesa, nos biênios 2017/2018 e 2019/2020.
Apesar de caber recurso da decisão, o deputado estadual Eduardo Botelho (DEM), que havia sido reeleito pela terceira vez consecutiva para a presidência da Casa, convocou nova eleição para hoje (23) a partir das 19h.
Demais cargos 
Além de Botelho, que havia sido reeleito pela terceira vez consecutiva para o mesmo cargo, também foram reeleitos Janaina Riva (MDB), como vice-presidente, e Max Russi (PSB), como primeiro-secretário. Os deputados Wilson Santos (PSDB), como 2º vice-presidente, Valdir Barranco (PT), como 2º secretário, deputado Claudinei Lopes (PSL), como 3º secretário e Paulo Araújo (Progressistas), como 4º secretário.
Fundamento
Na ação, a Rede Sustentabilidade tomou por base a proibição recente pelo STF, em conformidade com a Constituição Federal,  que Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia, ex-presidentes do Senado e da Câmara dos Deputados, tentassem a reeleição.
Mesmo que lentamente, as coisas neste País parecem que estão começando a voltar aos seus lugares, principalmente no tocante à legalidade jurídica, coibindo a repetição escancarada de velhos “vícios”!