Oi pode ter concessão cancelada pela Anatel

Escrito por:

Será discutida hoje, pelo Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a abertura ou não de processo pedindo o cancelamento da concessão da operadora de telefonia Oi, que passa por um processo de recuperação judicial na Justiça com dívidas acumuladas em R$ 65,4 bilhões oriundas de bônus, dívidas bancárias e responsabilidades operacionais.
O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, disse na semana passada, que acredita na possibilidade de a Oi chegar a um entendimento com seus credores e evitar um processo de intervenção federal, mas, que sem novos recursos, a empresa dificilmente evitará a caducidade da concessão.
Trocando em miúdos, a falta de fiscalização do governo federal – como acontece em outras empresas e conglomerados brasileiros – deixa o setor agir como bem entende, para depois e tardiamente, tomar medidas.
Mais uma vez, a corda vai arrebentar no lado mais fraco. Ou seja, nos usuários dos serviços, que terão enorme incômodo para se readequar à situação, apesar de pagarem em dia suas faturas mensais.
E os prejuízos de quem tem contrato com a operadora, serão ressarcidos por quem?

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *