Polícia Civil prende estuprador de irmãs

Escrito por:
Vítima Indefesas
(ilustrativa)

Geralmente, o blog evita postar matérias policiais, a não ser em casos de extremo interesse da população, como as que abordam, por exemplo, a prática de estupro – principalmente por parte de familiares-, no sentido de colaborar no combate a este tipo de crime, que deve ser denunciado para que os responsáveis sejam punidos pela Lei.
A matéria de hoje, aborda rapidamente o caso de Antonio Almerindo Silva Amorim (22 anos), que foi preso na última quarta-feira, pela Polícia Judiciária Civil (PJC) na zona rural de Vila Rica – cidade do nordeste mato-grossense -, sob a acusação de abusar sexualmente de suas três irmãs menores, de 14 anos, 12 e de seis anos, respectivamente, as quais confirmaram que vinham sofrendo os abusos, já há algum tempo.
O delegado José Getúlio Daniel, que atendeu a ocorrência, alerta sobre a importância de a família estar sempre atenta ao comportamento das crianças, tendo em vista que muitas vezes, esse tipo de crime é cometido dentro do seio familiar, por parentes ou pessoas próximas. “Nesse caso, o abusador foi extremamente cruel, pois além da violência sexual contra as próprias irmãs, ele ameaçava de morte as meninas e a mãe caso, alguma delas falassem algo. O suspeito vigiava para que as meninas não ficassem sozinhas com a mãe. Além de abuso sexual existia também tortura psicológica”, lamentou a autoridade policial.
O blog tem conhecimento, de um caso que envolve determinado cidadão de Rondonópolis “acima de qualquer suspeita”, que era adotado e também abusava de suas irmãs, na adolescência, usando dos mesmos métodos.
Hoje, o dito cujo se põe de defensor da lei e da ordem, dando uma de moralista!


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *