Quase impossível de acontecer

Escrito por:
Renovação ainda é utopia
(WBrasília)

Apesar da maioria dos brasileiros desejar a renovação nos cargos políticos que concorrerão nas eleições deste ano, segundo especialistas isso será impossível, principalmente pelo tradicionalismo dos partidos e pelo sistema eleitoral vigente no país.
Pontos que contribuem para a reeleição dos “políticos de carreira” são as campanhas caras e o financiamento de empresas – mesmo que seja ilegal. Outro fator determinante, são os recursos que os partidos recebem do Fundo de Assistência Financeira aos Partidos e do Fundo de Financiamento Eleitoral.
Em junho último, a Justiça Eleitoral divulgou o valor do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), que é mantido pelos recursos públicos, que bancará os 35 partidos existentes.
Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o valor total será de R$ 1.716.209.431,00 e os partidos são: MDB – R$ 234.232.915,58; PT – R$ 212.244.045,51; PSDB – R$ 185.868.511,77; PP – R$ 131.026.927,86; PSB – R$ 118.783.048,51; PR – R$ 113.165.144,99; PSD – R$ 112.013.278,78; DEM – R$ 89.108.890,77; PRB – R$ 66.983.248,93; PTB – R$ 62.260.58; PDT – R$ 61.475.696,42; SD – R$ 40.127.359,42; Podemos – R$ 36.112.917,34; PSC – R$ 35.913.889,78; PCdoB – R$ 30.544.605,53; PPS – R$ 29.203.202,71; PV – R$ 24.640.976,04; PSOL – R$ 21.430.444,90; Pros – R$ 21.259.914,64; PHS – R$ 18.064.589,71; Avante – R$ 12.438.144,67; Rede – R$ 10.662.556,58; Patriota – R$ 9.936.929,10; PSL – R$ 9.203.060,51; PTC – R$ 6.334.282,12; PRP – R$ 5.471.690,91; DC (ex- PSDC) – R$ 4.140.243,38; PMN – R$ 3.883.339,54; PRTB – R$ 3.794.842,38; PSTU – R$ 980.691,10; PCB – R$ 980.691,10; PCO – R$ 980.691,10; PPL – R$ 980.691,10; Novo – R$ 980.691,10; e PMB – R$ 980.691,10.
O partido Novo será o único que vai dispensar os recursos públicos, já que tem como política financeira sua manutenção por doações de filiados e apoiadores.
Na teoria, caso os recursos públicos não sejam utilizados pelas legendas, serão devolvidos ao Tesouro Nacional.
Isso, na teoria.
Porque na prática, com certeza vão raspar o “fundo do tacho”.
Demandará muito tempo ainda, para que o eleitor se conscientize de que a reeleição dos políticos, depende, unicamente, dele.

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *