“Quem fala demais, dá bom dia a cavalo”

Escrito por:
O bocudo queimou a língua
(Câmara dos Deputados)

O dito popular que dá título à nota, muito usado aqui em Rondonópolis, se encaixa muito bem ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), que fala pelos cotovelos e não mede a língua.
Depois de várias “presepadas” que já são de conhecimento do grande público, o valentão que “comia gente”, praticamente perdeu o apoio do setor do agro-negócio mato-grossense, por atacar as relações brasileiras com os chineses, segundo o que informa o jornalista Muvuca, na Coluna Popular de hoje em seu site Muvuca Popular.
A debandada do segmento, se deve ao fato de que o mercado asiático é o principal escoadouro da produção primária mato-grossense, de onde se origina parte da fortuna dos grandes produtores mato-grossenses, que tem como carro-chefe a soja.
“Até dias atrás”, diz Muvuca, “setores do agro-negócio até bancavam outdoors para ajudar na campanha do ‘Bolsomito’, que não tem tempo de TV, fundo partidário e nem perspectivas de grandes alianças”.
Danou-se!

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *