‘Superdelação’ da Camargo Corrêa inclui Temer e ministros

Escrito por:
A pancada vai ser dura
(Imagem: Vntonline)

A delação premiada da Odebrecht não é a única que atinge Michel Temer, em que ele aparece por ter pedido e recebido R$ 10 milhões do departamento de propinas da empreiteira.
De acordo com reportagem de Daniel Pereira, na revista Veja, Temer será um dos protagonistas da delação da Camargo Corrêa, que decidiu seguir os passos da Odebrecht e costurar um grande acordo de colaboração judicial.
Delatores
Ao todo, serão cerca de 40 delatores, que devem atingir cerca de 200 pessoas, entre políticos e funcionários públicos.
Temer será um dos protagonistas da lista. Isso porque a Camargo decidiu desenterrar a Operação Castelo de Areia, em que Temer foi citado 21 vezes e apontado como destinatário de US$ 345 mil dólares. Temer aparece ainda em outra planilha da Camargo, citado como “Themer”, e beneficiário de US$ 40 mil dólares.
Os ministros Mendonça Filho (Educação) e Gilberto Kassab (Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações) e o líder de Temer no Congresso, Romero Jucá, também deverão ser delatados.
Com Netcina

Continue Lendo


Opine aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *