Salários: governo engambela servidores

Taques está na “saia justa” com os servidores
(Foto: Arquivo/Senado)

O pagamento do mês de dezembro de 2016, anunciado pela Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz), de que seria depositado nas contas dos servidores estaduais até o final do dia de ontem (veja matéria, aqui), não se concretizou para uma grande maioria deles, tanto na Capital, quanto no interior.
As críticas, imediatamente, se disseminaram pelas redes sociais, esculachando com o governo Pedro Taques (PSDB), com reclamações sobre as contas pessoais que estão atrasadas.
Nem a sua mãe, dona Ada, que é professora estadual aposentada, teve o salário depositado.
O governo estadual vem enfrentando problemas com a folha de pagamento, já tendo escalonado os pagamentos em setembro e outubro, quando a previsão era pagar no último dia útil de cada mês.
Em novembro, o Governo adotou a nova data de pagamento dos salários e os servidores passaram a receber no dia 10, do mês subsequente ao trabalhado. A medida gerou duras críticas do funcionalismo.
Além da data do pagamento, os servidores travaram uma quebra de braço com o Governo em virtude da não concessão integral da RGA (Revisão Geral Anual).
Até o fechamento desta matéria, a Sefaz não havia se pronunciado sobre o assunto.
Com Folhamax

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *